sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Post aberto às mães que os filhos têm piolhos


Queridas mães:
 
Esta que vos escreve tem uma filha que durante 10 meses teve piolhos e lêndeas {sim, escusam de voltar atrás para ver se leram bem, é mesmo verdade teve durante 10 meses piolhos, lêndeas e o diabo a 4}. Ora, aqui vão umas dicas que vos podem ajudar, e muito. Os produtos que se vendem no mercado são todos uma valente merda. Todos, sem exceção. Não duvidem de mim que já sou doutorada nesta porra. Chegava à farmácia e diziam-me: Ai e tal, leve este, põe glad na cabeça durante a noite e de manhã está tudo morto. Estão, estão... estão é o c******. De manhã tirava-lhe aquilo da cabeça e era vê-los aos montes a andarem pela banheira. Um nojo, nem vos digo, nem vos conto. Já para não falar que houve um dia que saí de casa sem tomar o pequeno-almoço. Ora, sento-me à mesa, a MC tinha feito o tratamento e eu tinha estado uma boa hora e meia a passar o pente, a catar uma a uma {só de lembrar...arggghhh} olho para a minha doce filha e vejo um piolho do tamanho de um cão {caniche, pronto. também não vos quero enganar} a passear-se pela cabeça dela. Olhem, esqueçam. Tudo o que possam pensar de pior, eu vivi, eu passei.
Gastei tanto dinheiro em produtos e shampoos e cremes e o raio que os parta a todos, que hoje teria dinheiro suficiente para trocar de carro. Um dia, passei-me da cabeça e disse: chega, vou deitar-lhe amoníaco naquela cabeça. Ui! Veio logo um exército acusar-me de loucura.
Eu fazia os tratamentos, tudo bem, nada de comichões, na semana seguinte voltava a fazer, tudo ok. Passavam-se 3 semanas, voltava tudo outra vez. Andei lixada da cabeça durante meses. Só dizia: Oh MC, isto é por lavares a cabeça todos os dias, se deixares de lavar, eles morrem: odeiam cabeças sujas. Ela em plena adolescência só dizia: Eu não vou para a Escola sem lavar o cabelo, que vergonha! Para isso falto às aulas. Olhem, foi o drama nesta casa. Um dia levei-a ao meu cabeleireiro e aí comecei um tratamento, com uma pessoa TOP - a minha Santa Simone, que durante 6 semanas lhe catava tudo, um a um. Uma das vezes, saíram quase 40. Pois, deleguei aquilo noutra pessoa que percebesse mais daquilo do que eu. Soubesse eu o que sei hoje teria levado lá a MC no primeiro dia.
Esta dificuldade toda também se deveu ao facto de ser loira e ter o cabelo comprido. Ainda lhe cortei uns 3 dedos, mas foi o máximo que consegui. Faria, com toda a certeza, com que a miúda se barricasse no quarto à espera que o cabelo crescesse. PARECE que a saga acabou. Agora, quando a vejo a coçar-se começo aos gritos.

12 comentários:

nos"entas!!!! ( e feliz) disse...

compreendo-te!
Eu felizmente tenho um moço...e rapei-lhe o cabelo!
remédio santo..
pior fui eu...que também apanhei, que vergonha....
mas o meu sangue é ruim :)

Isa disse...

10meses??? Que horror! Parece um verdadeiro filme de terror! Espero que tenha sido de vez!

Blue Eyes disse...

Costumo andar por aqui, apesar de nunca ter comentado, este assunto toca-me particularmente porque o meu filho teve de 'prenda de Natal' uma família de piolhos... creio termos resolvido o problema com um produto de farmácia... apesar de lhe termos posto mais vezes do que o aconselhável, mas ando receosa de que 'aquilo' volte e depois do que li é ainda mais assustador e pergunto, por isso, que tipo de tratamento foi feito!?
Cá em casa foi a 1ª vez e espero que não volte... credo... espero que por aí também não!!!

Bom Ano Novo e sem 'famílias' indesejadas.

luz saraiva disse...

vinagre dps do banho ,,,sempre

luz saraiva disse...

vinagre

Este Blogue precisa de um nome disse...

Luz:

Pus-lhe litros de vinagre, litros... mas como deves calcular à semana era mais complicado porque a sendo a MC uma adolescente dizia que não queria ir para a escola a cheirar a salada´
ah ah ah ah ah ah as coisas que eles inventam! Beijo e obg pela dica.

Paula disse...

Qual foi o tratamento?
A minha mais velha de 9 anos e cabelo longo e espesso também teve durante meses. Fazia tratamentos e aquilo continuava.
Nunca apanhei mais de 2, mas isso já me deixava doente.
Qual o tratamento que resolveu?
Tenho até medo do regresso da primavera, os bichos gostam do calor...
vidademulheraos40.blogspot.com.

Isabela disse...

Não mãe mas educadora e precisei ter 19 anos e um cabelão a chegar à cintura para também ter... piolhos!! Exacto!
E o que resultou?? Vinagre. Montes. Carradas. Litros.Lavava a cabeça e depois e enxaguado deitava vinagre no cabelo, torcia um pouco para sair excesso de água e enrolava o cabelo em papel aderente de cozinha e a seguir ainda ponha a touca da natação!
Tiro e queda!
Agora cada vez que os putos têm lá ando eu com o vinagre e a cabeça enrolada!

Este Blogue precisa de um nome disse...

Oh meninas, depois de "rebentar" com o stock da farmácia que vou. E olhem que não estou a exagerar, eu rebentei com aquilo tudo. Houve um dia que entrei e só havia o NIX, pois foi mesmo esse que trouxe. Mas, não foi o produto. Tenho certeza, porque já o tinha usado, aliás eu usei todos que há no mercado. Não foi o produto, foi a minha Santa Simone que à 5ª ao final da tarde estava duas horas a catar-lhe aquilo. Depois passou a usar um shampoo que se chama tiox e que por acaso acabou hoje.
Um nojo, é o que vos digo.

solemdezembro disse...

Bolas que já estou com comichões!!
Que martírio...

lmq disse...

Por favor, diga-me quem é a Santa Simone. Preciso de ajuda...

Este Blogue precisa de um nome disse...

Imq:

Desculpa mas não pude deixar de sorrir com o teu comentário. Imaginei-me a catá-los e já estou a imaginar o teu desespero. Envia-me por favor um email para: esteblogueprecisadeumnome@hotmail.com e prometo ajudar no que puder.

Declaro guerra a esses bichos nojentos :-)

Beijo