quarta-feira, 25 de maio de 2011

Brutal, há algumas que tenho que aprender

Na educação de nossos filhos

Todo exagero é negativo.
Responda-lhe, não o instrua.
Proteja-o, não o cubra.
Ajude-o, não o substitua.
Abrigue-o, não o esconda.
Ame-o, não o idolatre.
Acompanhe-o, não o leve.
Mostre-lhe o perigo, não o atemorize.
Inclua-o, não o isole.
Alimente suas esperanças, não as descarte.
Não exija que seja o melhor, peça-lhe para ser bom e dê exemplo.
Não o mime em demasia, rodeie-o de amor.
Não o mande estudar, prepare-lhe um clima de estudo.
Não fabrique um castelo para ele, vivam todos com naturalidade.

Não lhe ensine a ser, seja você como quer que ele seja.
Não lhe dedique a vida, vivam todos.
Lembre-se de que seu filho não o escuta, ele o olha.
E, finalmente, quando a gaiola do canário se quebrar, não compre outra…
Ensina-lhe a viver sem portas.

Eugênia Puebla

6 comentários:

Porque um dia me perdi... disse...

levei ;) acho que preciso de ler mais vezes...:)

Imensidão dos dias disse...

De facto é uma lição.

Imagina... disse...

Tão verdadeiro quanto maravilhoso!...

Maria disse...

Também, tenho que aprender algumas .
Faz parte de ser mãe, esta aprendizagem constante.
Gostei especialmente desta frase " E, finalmente, quando a gaiola do canário se quebrar, não compre outra..."

Carla Marialva disse...

Lindo , precisava msm de ler isto, vou partilhar tb, beijo.

Isabel disse...

Gostei muito, mas acredito que às vezes alguns destes pontos sejam difíceis de cumprir.