sexta-feira, 26 de março de 2010

As minhas pancas # 16

Nunca vi o filme baseado num livro que tenha lido, nunca.
A leitura é algo de muito pessoal e não há nenhum realizador que consiga ter a mesma visão que eu. Nem um realizador nem ninguém. Um livro é muito pessoal, como qualquer obra de arte. Um livro mágico, para mim até hoje permaneceu assim: intocável.

6 comentários:

Francisca disse...

Olá
experimenta a ler o livro 'O Amor nos tempos do Cólera' de Gabriel Garcia Marquez e depois vê o filme.Fizeram uma cópia exacta do livro.
Bom fim de semana

Este Blogue precisa de um nome disse...

Francisca

O meu antepenúltimo post... foi sobre esse livro...

Paulo disse...

Rita tem toda a razão ...fico sempre decepcionada ...com a sensação q/ falta algo ...a nossa imaginação faz-nos sempre voar mais alto.
Bjs
Célia

CS disse...

A tua visão sobre o livro não implica a que te feches a outras visões sobre o mesmo livro. É bom conhecer outras perspectivas, outros olhares, na minha opinião, claro ;)

Anabela Varela disse...

Sou da mesma opinião, vi o filme "As palavras que nunca te direi" depois de ler o livro e fiquei desiludida, não que não tenha gostado do filme, não foi isso, mas é completamente diferente daquilo que se passa no nosso imaginário enquanto o estamos a ler.
A Varela

Cristina disse...

Também acho que os filmes ficam sempre aquém dos livros. Aconteceu-me ler os livros "As palavras que nunca te direi" e "Anjos e demónios" depois de ver os respectivos filmes: os livros superaram em muito os respectivos filmes.
Mas ainda gosto menos de ler o livro e depois ver o filme, aí é que as expectativas são completamente goradas...